31 3238-8980 | 3238-8687 | faculdade@santacasabh.org.br

Personagem em foco: Dr. Chagas

Docente e pesquisador da Santa Casa BH Ensino e Pesquisa, Francisco Chagas Lima e Silva veio para Belo Horizonte com 17 anos, em 1959, com objetivo de estudar medicina e construir carreira acadêmica. Logo ingressou na Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais, que naquela época funcionava em prédio literalmente localizado em frente à Santa Casa BH. O edifício (que deu lugar ao atual jardim) existiu até 1967.

Em 1965, Dr. Chagas concluiu o curso de medicina e, no ano seguinte, a Santa Casa BH criou seu Programa de Residência Médica. Integrou a primeira turma de residentes em Clínica Médica. Atuou como clínico no hospital até 1970, quando foi convidado para fundar e chefiar o Departamento de Clínica Médica da recém-inaugurada Faculdade de Medicina de Uberlândia.

Entre a residência e a atuação como médico da Santa Casa, conheceu a assistente social Ilma Moreira (que era funcionária da instituição), com quem se casou e teve três filhos: Adriano – engenheiro e economista; Alexandre – advogado; e Raquel – que seguiu os passos do pai e tornou-se médica e pesquisadora da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos. Hoje, Dr. Chagas tem cinco netos.

A carreira acadêmica começou em 1973, quando iniciou seu mestrado em Clínica Médica na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), em Ribeirão Preto. Após concluir o mestrado, optou por retornar para Belo Horizonte. Em 1977 foi aprovado em concurso da Universidade Federal de Minas Gerais, como professor titular de Clínica Médica da Faculdade de Medicina. Fez Doutorado em Medicina Tropical pela UFMG e pós-doutorado em Farmacologia Clínica na Universidade de New Hampshire, nos Estados Unidos.

Entre as muitas contribuições com a Santa Casa BH, Dr. Chagas – com apoio do Dr. José Augusto Nogueira Machado – criou o projeto para implantação da pós-graduação Stricto Senso no então Instituto de Ensino e Pesquisa (IEP). Pela primeira vez, no país, um hospital filantrópico e sem ligação com uma Universidade Federal ou escola de Medicina conseguiu implementar e oferecer cursos de mestrado, doutorado e pós-doutorado.

O amor pela literatura também integra as muitas realizações de Dr. Chagas. Já são quatro obras publicadas: os livros de contos e crônicas “Murmulhos” (2003 – Editora Lutador) e “Humanâncias” (2008 – Editora Lutador), o romance “Donzela do Candeeiro” (Editora Ramalhete – 2018) e “Pirilampejos”, livro de poesia será lançado em 2019, pela editora Sarau das Letras. As publicações estão disponíveis para compra na Cooperativa da Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais.

Skip to content